Sistema de controle de acesso

Sistema de controle de acesso eletrônico

O controle de acesso eletrônico implica em medidas que restrinja o acesso de pessoas a determinadas áreas, o acesso pode ser efetuado por pessoal autorizado que tenham permissão para acessar tal área, neste caso são usados, cartão de acesso, senha, crachás ou dados biométricos.

O funcionamento desse sistema conta com um software de segurança integrado com os equipamentos de segurança.

O sistema gerencia o acesso de pessoas, veículos e materiais previamente identificados, as áreas onde o acesso é restrito. Todas informações necessárias para o funcionamento do sistema, são cadastradas, registradas e armazenadas em um servidor, nesse servidor é efetuada toda a gestão de dados e rotina do sistema.

Essas configurações determinam as permissões e restrições dos acessos as áreas na qual o sistema foi configurado, e conta também com emissão de relatórios gerenciais.

 

Funcionamento do controle de acesso

O funcionamento básico do sistema de controle de acesso se dá por software e hardware.

Software – Programa ou grupo de programa que recebe informações e gerencia esses dados, para controlar a maneira como o hardware deve agir, bloquear ou liberar o acesso.

Hardware – Conjunto de componentes eletroeletrônicos, responsáveis pela ação , bloqueio ou liberação à área restrita.

Todos os parâmetros de funcionamento do sistema são configurados no software e hardware, esses ficam responsáveis por fazerem a comunicação entre o meio de identificação e o programa de gerenciamento assim como o acionamento do dispositivo de bloqueio.

 

Partes do controle de acesso.

Servidor

O servidor é um computador no qual é instalado o banco de dados e o programa principal de gerenciamento do sistema.

Terminal

O terminal é o computador que tem o programa de operação do sistema. O acesso é configurado conforme a atribuição de cada operador.

Câmera

São instaladas para o controle remoto e/ou segurança local, assim são captadas imagens das pessoas, que estão acessando o local. Também há um webcam para cadastro da imagem do pessoal que tem acesso liberado no local.

Central

A central gerencia o acesso ao local, através de dados recebidos do servidor. A solicitação de acesso é verificada e autoriza ou nega o pedido de entrada, qualquer desses eventos é registrado no banco de dados do servidor.

Identificadores

Os identificadores são definidos como os dispositivos que captam as informações de quem tenta acessar o local, e após envia para a central tratar esses dados. Podem ser utilizados teclados numéricos, leitores de cartões e crachás, reconhecimento facial, biometria entre outros.

Dispositivos de bloqueio

Esses dispositivos são os obstáculos que impedem o acesso as áreas restritas. Atualmente existe inúmeros dispositivos desses, e todos podem ser integrados ao sistema de controle de acesso.

Os dispositivos mais utilizados, são trancas eletrônicas, cancelas, catracas entre outros.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta